quinta-feira, 11 de junho de 2015

Ser e Estar

Sabemos quais são os nossos pesadelos porque os vivemos
mas os nossos sonhos quais são?
expressemo-los!
Vou por aí dando passadas largas
tendo como arma
a minha arte de dançar
o tempo corre à minha frente
apressando-me
não me dando tempo
de o apanhar
e graciosa e desvairadamente
ser e estar

ser mais silêncio
estar mais tempo a conversar
ser mais solidária e feliz
estar mais sorridente
ser mais operário
estar mais perto de ser melhor construtor
ser mais ouvinte
estar mais tempo a compreender o meu lado lunar
ser mais raiz
estar mais tempo nas asas dos sonhos
ser mais solar
estar mais feliz a destapar-me
ser mais todo que parte
estar cada dia mais próxima de me descobrir
ser cronicamente amiga da arte
estar em sintonia com o meu ser inteiro
ser mais imaginação
estar mais preocupada com a minha força para usar em tempos duros
ser menos preocupada com os tempos duros onde me faltam forças
ser mais coragem e impulso que originam a criação
estar com menos falta de coragem e de impulso que impeça a minha evolução
ser sentimento e distracções
estar ancorado no delírio da ilusão
ser mais leve e sensível
estar mergulhado no caos da intensidade das emoções
ser mais e mais loucamente sã
estar eterna e saudavelmente louca